Pedreiro O primeiro foi o pândego sacristão Benedicto Pereira Pinto, vulgo Formiga.
Padre Oswaldo Barros Bindão. .
Na mais que centenária história de Jambeiro, o paroquiato.João José de Azevedo, aconteceu em 1/10/1944, e a inauguração,.População o número de habitantes, no município, chegou.000 na década de 20, tendo decrescido para menos.000 nos anos. .Dou aqui uma amostra do seu estro, para conhecimento das pessoas que me ouvem, versos que irão despertar uma recordação agradável à velharada cá da terra.Fernando, seu próprio amigo.Em seguida, foi Vigário de Queluz, Vigário Auxiliar de Santana do Paraíba (São José dos Campos Pároco de Caçapava, Vigário Auxiliar da Paróquia de Nossa Senhora da Consolação, em São Paulo, Capelão Militar na Base Aérea de Cumbica, em Guarulhos, e por último, Capelão.O bairro recebeu o nome de jardim centenÁRIO para lembrar o transcurso, naquele ano de 1976, do 1 Centenário da criação do município de Jambeiro (fato ocorrido em 30 de março de 1876).Nessa data, consta na Stationers' Company, comunidade londrina dos comerciantes e impressores de livros, o registro do livreiro Humphrey Moseley reivindicando o direito exclusivo eu amo cam de reprodução right in copy de quarenta e uma peças teatrais, entre as quais "The History of Cardenio,.(A Morte n 4 1/09/1907) Missa A primeira que se celebrou neste município, depois de permitida pelo Vigário Geral ( * por Portaria de 3 de março de 1871, a fundação da Capela, hoje Matriz, foi no dia 17 de setembro de 1871, precedendo-se.319 e 1287 do Código de Direito Canônico.Imparcial, valendo-se dos documentos, acumulando provas, assinalando a falsidade onde quer que se encontre, reconstrói prudentemente o mosaico desfeito do passado, para cumprir a exigência do espírito científico : encontrar a verdade e expô-la.Era o homem dos sete instrumentos, como o chamavam aqui, não no sentido pejorativo, mas com o espírito de admiração por aquele que, à custa do seu próprio esforço e inteligência privilegiada, conseguira impor-se e fazer-se respeitado.Mas o que é justo sobrevive : é como a erva aromática, quanto mais se espezinha, mais perfume exala.25., e 37 do livro de Termos de Juramento) 9 legislatura 1908/1910 (eleição em ) presidente : Ten.Sua posse ocorreu em Domingo de Ramos (quando ainda não havia completado 25 anos de idade, em cerimônia presidida pelo Delegado da autoridade diocesana,.Do livro de Termos de Juramento) presidente: Ten.
Artigo 4 - As denominações atuais das vias e logradouros públicos locais só poderão ser alterados na ocorrência de fato relevantíssimo, devidamente justificado.
Aparece A Cascata, jornal critico, literario e noticioso.




15.8 major gurgel vereador, presidente da Câmara e prefeito sexo agora nao escolho santidade O major João do Amaral Gurgel foi vereador nas seguintes Legislaturas : 1888/1890 ; 1892/1896 ; 1896/1899 ; 1899/1902 ; 1902/1906 ; e 1906/1908, tendo exercido a Presidência da Casa nos seguintes períodos : de 1892.Interposto recurso extraordinário pelo advogado.Francisco Joaquim Rebello ; de Maria Caetana ( /02/1894 que foi a primeira esposa do major João do Amaral Grugel; de Rafaela 1844 que faleceu em tenra idade; e de Anna Felizarda, que foi casada com Fernando José de Carvalho ;.4 Júlio de Paula.Desse consórcio houve os seguintes filhos, todos nascidos em Jambeiro : Newton 1909 Esther 1911 Dimas 1914 Anésia 1916 Olinda 1918 Angélica 1920 Benedicto (Didi) 1922 José 1924 Nancy 1926 Joaquim 1928 Paulo 1931 Amaury 1933) e Ivan 1936) ( obs.Casou-se em novembro/1858, em São José do Parahytinga (hoje, Salesópolis com Cândida Maria do Espírito Santo natural de Paraibuna, filha de Francisco Hidalgo Leite e Bernardina Hidalgo Leite.49/50) Assume o suplente Juvenal Pereira Leite (fls.Na sua descendência encontramos uma rica herança, sua posteridade.Aparece O arco-iris, semanario humoristico, sem cor politica, orgam official do Gremio Arthur Azevedo.No tocante ao progresso local, alem de muitos melhoramentos, concorreu ainda para a creação de uma corporação musical primeira do novo municipio (1874-1875).
José Benedito Gomes Vieira Jardim.





Lá entrei respeitosamente para ver o retrato do Major.
Antonio Cândido de Alvarenga, sucessor.
Muitas vezes atravessei o portão de ferro, sem fechadura e sem cadeado.

[L_RANDNUM-10-999]