Parlamentares favoráveis a aprovação, entretanto, destacaram a importância de institucionalizar a data para fortalecer a luta.
O recurso está disponível em todas as salas.
Clique aqui e faça uma busca pela sua sala preferida.
Bandeira lgbt (Foto: Reprodução/Internet a Câmara de Vereadores rejeitou por 19 votos a 17, na última quarta-feira (16 o projeto de lei que inclui o dia da visibilidade lésbica no calendário do Rio de Janeiro.A partir do momento que permitimos a aprovação, vamos permitir o acesso desse dia nas escolas públicas.Para voltar a transmitir, basta clicar novamente: Esta janela de conversa também permite a troca de fotos e vídeos dentro da sala - escreva o endereço da imagem (que já deve estar publicada na web) entre colchetes e envie.Se quiser interromper a transmissão, clique no ícone de câmera sou patricinha ja creci e agora quero dar sexo localizado logo abaixo da tela.Por puro preconceito e machismo da casa, apontou vereadora Luciana Novaes (PT-RJ).Para a autora do texto, o fato não apresenta uma derrota, e sim, uma representação de quanto essa Casa é conservadora, reacionária e, pior, fundamentalista, a não aprovação acontece no mês no qual o movimento lésbico comemora justamente a visibilidade lésbica, instituído no dia.Cadastro : insira nome de usuário e senha, responda as perguntas de segurança e utilize e-mail real pois será necessário a confirmação do seu e-mail.Após realizar o cadastro espere até receber o e-mail de confirmação indicando que seu cadastro foi rifique se o e-mail está.Como alterar a imagem do perfil e a imagem de plano de fundo da sua página de perfil.Insira o usuário e senha e venha participar de nossa comunidade.Professora trans traz debate de identidade de gênero para escola em São Paulo.Agosto é um mês de comemoração e reivindicação e pautamos como momento de concretização e processo de uma luta pelo direito de amar, ser e existir.Nossos membros Vip, bate-papo gratuito e sem necessidade de cadastro.Salas abertas por assinantes, assinantes podem criar suas próprias salas de bate-papo nesta área.Dentre os argumentos para o veto, vereadores contrários como Otoni de Paula (PSC-RJ) destacou a proposta como um risco para inclusão do debate de gênero nas escolas.Vai ter muita luta e mulher lésbica na Câmara, destacou Marielle em entrevista ao site Brasil de Fato.Projeto construído pela vereadora Marielle Franco (psol-RJ junto com o coletivo de Mulheres organizadas na Frente Lésbica do Rio de Janeiro.
Os participantes do Bate-papo UOL agora podem conversar a dois usando suas webcams em janelas reservadas, sem precisar sair da sala.




Se acaso demorar a receber a confirmação pedimos desculpas pela demora.Pessoas Legais, bate papo para conhecer pessoas divertidas no qual as salas de bate papo e chat são voltadas a brasileiros e também portugueses cujo objetivo é fazer amizades, criar relacionamentos e papear, a galera encontra diversão, um papinho saudável conhecer estranhos mulheres solteiras.Veja, passo a passo, como usar a novidade: Entre em qualquer sala de Bate-papo, exceto as do tema para menores.A minha preocupação é que algo aparentemente normal seja usado depois para outros fins que nós, enquanto bancada evangélica, combatemos, disse.Para encerrar o papo, clique em "Sair".A janela do BPM se abre e exibe uma mensagem alertando que as imagens e os sons podem ser gravados pelo outro internauta.Os assinantes foram os primeiros a experimentar a novidade, e agora todos os usuários também podem interagir por meio de webcam e microfone.Mande uma mensagem reservadamente para um participante e convide-o para conversar numa janela exclusiva, clicando no ícone.
Se até o pão ganhou um dia no calendário carioca, não por ser um alimento sagrado, mas por ser considerado um alimento típico do Rio, por que não aprovar o dia da visibilidade lésbica?
Votarei contra por entender que a visibilidade lésbica entrar no calendário da cidade é desnecessário.




[L_RANDNUM-10-999]